Grécia - Perfumes de Creta

15 de setembro de 2012

Grécia - Perfumes de Creta

No último dia 7 partí para a Grécia com a expectativa do que iria encontrar num país tão tradicional e ao mesmo tempo exótico para mim. Tentarei passar a vocês um pouquinho de minha experiência no país de Aristotle e Jacqueline Onassis.

Meu destino foi a Ilha de Creta (a maior das ilhas gregas), desembarcando na capital Iráclio tomei rumo a Mália, uma cidade conhecida pela vida noturna, barzinhos e pubs frequentados principalmente pelos teenagers britânicos. Literalmente haviam dezenas de bares, um mais lindo que o outro. Gente, tive a curiosidade de contar 60 bares na mesma rua! Além das danceterias e restaurantes. Ufa! Muita música, drinks e gente doida.

Depois de tanta loucura e buscando uma praia legal, fui para Vai Beach. Localizada ao leste da ilha, é uma praia conhecida pela floresta de palmeiras que somado ao mar azul turquesa confere um ambiente paradisíaco ao lugar. O local é de difícil acesso e por isso preferi ir em um carro alugado mas também existem excursões para lá. O caminho é lindo passando por estradas de terra, monastérios e parando para ver as cabrinhas que me rodeavam em busca de alguma comida no meio daquele clima árido, seco e quente das montanhas. Vai Beach não é uma praia de areia propriamente dita mas tem pedrinhas minúsculas que quase achamos ser areia, saem do corpo apenas com uma passadinha de mão ou batidinha evitando aquela sensação ruim da areia grudada no corpo. Simplesmente paramos no tempo com tanta tranquilidade neste paraíso.

A próxima parada foi Chania, uma cidade muito romântica mais ao oeste da ilha. Cobiçada por conquistadores, o lugar é rico em cultura e inspiração, com ruazinhas floridas e estreitas cercadas por muralhas. Destino de cruzeiros, Chania tem um comércio muito ativo com lojas de bijoux, semi-jóias e joalherias. Fiquei impressionada com o design das peças que seguem mais ou menos o mesmo estilo brasileiro mas com um certo bom gosto que as projetam além do que normalmente conhecemos. Lá também encontramos lindas lojas de couro, artesanato e comidas típicas.

Em toda a Creta os restaurantes são um show a parte, lindos em cada detalhe, enfeitados com flores, lamparinas e bibelôs. A comida é um sonho, todos os pratos têm um perfume e um sabor especial. Pratos típicos como Moussaka, Kolokithokeftedes, Dolmathes e Stifado são feitos por familias gregas nas tradicionais tavernas. Além de combinacões interessantes como cebolinha nova fresca e tomates secos, podemos sentir sabores e cheiros encantadores que provavelmente venham das exclusivas ervas da ilha como o díctamus. Por Creta ser isolada centenas de quilômetros da Europa continental, o azeite, o vinho, as ervas e o mel têm sabores distintos e especiais provenientes do clima e da geografia particulares da ilha.

Fiquei maravilhada com tanta cultura, tradição e hospitalidade. O povo grego é simples, receptivo e adoram os brasileiros, acham que parecemos com eles.

Grécia agora já é um dos meus destinos preferidos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário